segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Todos os livros


Quero ler
todos os livros, todos
mas não só os livros
também os papiros e pergaminhos,
todos os sites,
apagar o abajur e ler em braille.
ler mãos, estrelas, búzios, vísceras e ideogramas,
ler música
adormecer lendo as majestosas partituras de uma sinfonia.
Traduzir sonhos e gestos
e pelos móveis de uma casa saber descrever as pessoas.

Ilustração e poema de Solivan

5 comentários:

  1. Então vc tem nas mãos as chaves do mundo. Assim disse Rubem Alves.

    Um beijo e que seu ano seja repleto de boas leituras

    ResponderExcluir
  2. É eliane,chaves e senhas,chaves que podem não abriro mundo mas nos deixam frestas onde podemos ao menos espiar.
    que bom ver você novamente aqui Eliane.

    ResponderExcluir
  3. venho ler os seus versos, Solivan
    um beijo

    ResponderExcluir
  4. ...suas vísceras e sua música´.
    É seu filho na porta

    ResponderExcluir
  5. Solivan, é claro que pode linkar Barcaças no seu blog. Eu o fiz sem pedir permissão, me desculpe. Sou muito verde nas convenções dos blogueiros. Se perturbar, pode falar que eu tiro. Mas acho bom porque divulga o nosso trabalho. Obrigada, então. O seu blog é uma alegria aos olhos e a alma. Seus desenhos, sua poesia que vasculha o cotidiano em silêncios e signos que deixamos pra lá, ignoramos. Ler seus pergaminhos, a começar pela escolha do título, é que é uma viagem. Leitura de mundo de Paulo Freire. Parabéns e beijos!

    ResponderExcluir